O juiz federal Sérgio Moro decidiu liberar dados importantíssimos para o julgamento de Lula.

Resultado de imagem para sergio moro com escuta

O juiz federal Sérgio Moro, encarregado pela Operação Lava Jato, teve uma decisão que favoreceu profundamente às investigações. Ele liberou que a Polícia Federal (PF) acionasse o sistema Drousys, que é uma forma de banco de dados com dados das propinas da Odebrecht.

Nesse servidor, há inúmeras provas das fraudes e irregularidades acontecidas entre a Odebrecht e a Petrobras, com indivíduos poderosos envolvidos.

A PF conseguirá usar provas de pagamentos detalhadas no servidor em inquéritos que ainda assim estão sendo investigados

No acordo de leniência executado, o controle do Drousys deveria ser somente do Ministério Público Federal em Curitiba, porém o juiz percebeu que todo o material se torna desnecessário se a PF não fizer o trabalho de perícia, coisa que o MP não realiza.

Vale destacar, que todos os dados localizados no complacente ficarão em posse e guardados pela Polícia Federal em Curitiba. O complacente ficará exclusivo somente aos peritos, declara o juiz.
O juiz federal Sérgio Moro decidiu liberar dados importantíssimos para o julgamento de Lula. O juiz federal Sérgio Moro decidiu liberar dados importantíssimos para o julgamento de Lula. Reviewed by Politica e Democracia on janeiro 19, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Advertise

Tecnologia do Blogger.